Previous Next

ADUFRGS-Sindical participa de reunião sobre aquilombamento e diretrizes curriculares étnico-raciais

 

A diretora de Comunicação da ADUFRGS-Sindical e coordenadora do Fórum Municipal de Educação de Porto Alegre (FME-POA), professora Sônia Mara Ogiba participou, nesta quinta-feira, 9, na Câmara de Vereadores, de reunião realizada pelo Conselho Municipal de Educação com o lançamento e debate “Aquilombamento: vem dialogar com o CME/POA sobre as Diretrizes Curriculares para a Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana, História e Cultura da População Negra, Quilombola e Indígena no Sistema Municipal de Ensino”.

A reunião contou com a presença de diversas entidades, vereadores que compõem a Bancada Negra da Câmara Municipal de Porto Alegre, e membros de movimentos sociais e comunidade negra e indígena.

A diretora Sônia Ogiba destacou a instituição do FME-POA, pelo Decreto 19.448, de 19 de julho de 2016, que teve como antecedente a lei federal do Plano Nacional de Educação (acesse aqui) e também a do Plano Municipal de Educação (veja aqui), “abrindo espaço importante para o território de Porto Alegre para acompanhar a construção e a produção da política educacional, visando a defesa da democracia e a promoção do diálogo entre todos os atores envolvidos”. “Compõem este território pais, estudantes, entidades, universidades, movimentos sociais, professores, sindicatos, entre eles a ADUFRGS-Sindical, que eu represento no Fórum Municipal”, relatou. “Somos atualmente 22 entidades com essa missão, nesse espaço público e democrático”, complementou.

A professora chamou a atenção para a relevância e complexidade do tema proposto no debate. “Neste ano, em especial nos últimos dois anos, vimos as políticas públicas, os direitos humanos, serem surrupiados, vilipendiados, como nunca antes em nossa história. O tema da inclusão de oportunidades, das diferentes raças, etnias, culturas, das diferenças, é da maior importância para nós que estamos nesse espaço institucional que é o Fórum Municipal de Educação”, afirmou Sônia.

O FME-POA articula-se à Secretaria Municipal de Educação, em termos de parceria e diálogo permanente, e também com os conselhos Municipal e Estadual de Educação. “Nós acompanhamos, como Fórum, a discussão e as proposições das políticas em educação no âmbito federal, estadual e municipal, no que se refere ao território de Porto Alegre”, explicou a sindicalista.

Sônia Ogiba parabenizou o Conselho Municipal de Educação e a bancada antirracista da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, “parceira em diversas atividades”, entre elas, a Conferência Nacional Popular de Educação (CONAPE) 2022, que acontece em julho, em Natal (acompanhe aqui notícias sobre o evento). “Vamos levar para a CONAPE a nossa contribuição, como território de Porto Alegre, construída com o apoio e a parceria da bancada antirracista”, concluiu a diretora de Comunicação da ADUFRGS-Sindical.

 

Comments powered by CComment

No thoughts on “ADUFRGS-Sindical participa de reunião sobre aquilombamento e diretrizes curriculares étnico-raciais”