Previous Next

Curta-metragem “Cotas: uma porta aberta” destaca as ações afirmativas na UFRGS

A ADUFRGS-Sindical, por intermédio de seu GT Direitos Humanos, coordenado pela professora e diretora de Comunicação Sônia Mara Ogiba, divulga mais uma atividade referente aos 10 anos da Lei de Cotas 11.711/2012 e às ações afirmativas.

Desta vez, o destaque é a divulgação do curta-metragem documental “Cotas: uma porta aberta”, que pode ser assistido no YouTube e Facebook do Núcleo de Estudos Africanos, Afro-brasileiros e Indígenas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Neabi-UFRGS).

Com roteiro e direção do jornalista Douglas Roehrs e apresentação da servidora pública Tamyres Filgueira, que atua como coordenadora-adjunta do Neabi-UFRGS, a obra entrevista negros e indígenas que lutaram e foram beneficiados pelo sistema de cotas nessa universidade. O filme foi lançado na Sala Redenção, no dia 29 de junho, data que marca os 15 anos da aprovação de cotas com recorte social e racial na UFRGS.

A professora Sônia reiterou a necessidade de ações afirmativas para o combate ao racismo e a superação das desigualdades sociais no Brasil. “Como coordenadora do GT Direitos Humanos do sindicato acompanho de perto as ações afirmativas realizadas nas universidades públicas e institutos federais, que contribuem para redução das desigualdades sociais e econômicas, garantindo mais oportunidades para os estudantes negros/as e indígenas oriundos de escolas públicas ingressarem no ensino superior. Nesses 10 anos da Lei de Cotas, nosso desafio é lutar por uma política de permanência dos estudantes nas universidades públicas, incluindo bolsa moradia e alimentação”, defendeu. “Esse filme é um resgate de toda a lutas dos estudantes negros e indígenas por mais inclusão na UFRGS e isso é histórico e ficará como memória”, refletiu.

Luta por cotas na pós-graduação

Durante a estreia do documentário, o Neabi apresentou a campanha “Cotas na pós da UFRGS já”. O abaixo-assinado tem o intuito de pressionar a UFRGS a implantar uma normativa para que se tenha cotas com recorte racial para negros e indígenas em todos os cursos de pós-graduação da instituição.

Como assistir o curta online

O Curta-metragem “Cotas: uma porta aberta” estará disponível a partir de segunda-feira, 1º de agosto, às 19h, no Facebook do Neabi-UFRGS ou Canal no Youtube do Neabi-UFRGS.

 

 

Comments powered by CComment

No thoughts on “Curta-metragem “Cotas: uma porta aberta” destaca as ações afirmativas na UFRGS”