Período eleitoral não pode impedir diálogo sobre reajuste aos professores/as federais, diz diretor da ADUFRGS-Sindical

O diretor Tesoureiro da ADUFRGS-Sindical, professor Eduardo Rolim, participou nesta quarta-feira, 4, do programa Bom Dia, Democracia, da Rede Estação Democracia, falando sobre a campanha salarial dos professores/as federais e a falta de diálogo por parte do governo federal. O sindicalista destacou que o período eleitoral não pode ser impeditivo para abordar o tema, já que os servidores amargam mais de cinco anos sem reajuste, totalizando uma defasagem de 37,16%, considerando o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

ADUFRGS-Sindical participa de debate sobre reajuste salarial dos servidores federais

O diretor Tesoureiro da ADUFRGS-Sindical e diretor de Relações Internacionais do PROIFES-Federação, professor Eduardo Rolim, participou nesta quinta-feira, 31, do programa Espaço Plural, da Rede Estação Democracia, que abordou a pressão dos servidores federais ao governo por reajuste salarial.

ADUFRGS-Sindical participa de ato dos servidores públicos por reposição salarial

A ADUFRGS-Sindical participou na quarta-feira, 16, do ato público da campanha salarial unificada dos servidores públicos, em Porto Alegre, promovido pela CUT Rio Grande do Sul e a Frente dos Servidores Públicos do RS. (Veja aqui matéria da CUT sobre o ato.)

Campanha salarial 2022: ADUFRGS-Sindical segue na luta por #ReposiçãoSalarialJá e abertura de negociação permanente com o governo federal

 ADUFRGS-Sindical segue na luta pelo cumprimento da pauta de reivindicações 2022 apresentada pelo PROIFES-Federação aos ministérios da Educação e da Economia com a campanha #ReposiçãoSalarialJá. Além da reposição das perdas acumuladas desde março de 2015, foram listados outros itens, somando 15 pontos de reivindicação. O Sindicato também reforça a necessidade de instalação de uma mesa de negociação permanente.

ADUFRGS-Sindical cobra diálogo e reposição salarial do governo federal e convoca Assembleia Geral

A ADUFRGS-Sindical irá realizar no dia 9 de março, às 14h, Assembleia Geral com os professores e professoras da sua base para discutir a pauta de reivindicações 2022, o retorno presencial às aulas, o passaporte vacinal, soluções e encaminhamentos decorrentes da defasagem salarial de mais de cinco anos, que já soma 32,9%, e a falta de diálogo com o governo federal.

Cinco anos sem aumento: professores federais seguem sem reajuste desde 2017 e já acumulam 32,9% de perdas, diz presidente da ADUFRGS-Sindical

A defasagem e a reposição salarial dos professores federais foi pauta do Bom Dia, Democracia desta quarta, 16, na Rede Estação Democracia. O presidente da ADUFRGS-Sindical, professor Lúcio Vieira, foi entrevistado no programa, e lembrou que os docentes estão há cinco anos sem aumento, acumulando 32,9% de perdas. O sindicalista também salientou a total falta de diálogo do atual governo.

X