CUT-RS convoca barulhaço contra a MP do desemprego, da fome e da morte hoje às 20h30min

card_barulhaco

Um barulhaço está sendo convocado pela Central Única dos Trabalhadores do RS para hoje, às 20h30min, contra o governo Bolsonaro e a medida provisória (MP) do desemprego, fome e da morte. Publicada na noite deste domingo, 22, no Diário Oficial, a MP autoriza a suspensão do contrato de trabalho por até 4 meses. No entanto, diante das pressões, o governo recuou em relação a um dos aspectos mais polêmicos da MP, que suspendia o pagamento de salários dos trabalhadores por 4 meses. Porém, o governo já anunciou a edição de uma nova MP prevendo o corte de 50% dos salários e 50% na jornada de trabalho.

Em live transmitida na manhã desta segunda-feira, 23, o presidente da CUT-RS, Amarildo Cenci, lançou um documento com propostas que visam proteger a classe trabalhadora neste momento de extrema gravidade. Para ele, é extremamente necessário que os trabalhadores estabeleçam e montem as mesas de comissões para proteger os seus direitos. “Precisamos afirmar as políticas públicas que queremos através da revogação da Emenda Constitucional 95, para garantir os direitos dos trabalhadores, principalmente os mais vulneráveis.”

Para denunciar abusos e retirada de direitos, envie e-mail para  cut.rs@cutrs.org.br ou ligue para (51) 3224.2484 e (51) 99843948.

Clique AQUI e acesse as medidas da CUT para salvar vidas, a renda e os empreendimentos econômicos e produtivos.



Ver todos